Quase 15 anos para fotografar as árvores mais antigas do mundo

Beth Moon é uma fotógrafa especializada em imagens preto e branco que decidiu viajar fotografar as árvores maiores e mais antigas do mundo. Este projeto, Portraits of Time (retratos do tempo) ocupou mais de 14 anos de sua carreira!

O critério principal para escolher as árvores são a idade, o tamanho e o valor histórico de cada uma. Encontrá-las não foi nada fácil, já que a maioria que se encaixa nesse perfil ficam em regiões de difícil acesso, que raramente são visitadas por turistas ou fotógrafos. Todas as imagens foram feitas nos Estados Unidos, Ásia, Oriente Médio e África.

Todos as árvores registradas têm centenas, se não milhares de anos. Beth descobriu que a mais antiga tem pelo menos 4.800 anos. O objetivo do projeto, de acordo com Moon, é mais do que procurar por valores estéticos, é entregar toda a maravilha e grandeza da natureza aos seus espectadores.

Há árvores em todos os lugares. Nós as vemos todos os dias, tanto que já nos acostumamos e acabamos não dando importância a elas. Escolhendo estas árvores grandes e icônicas como metáfora, eu espero iniciar grande discussão sobre a natureza e sobre a maneira como interagimos com o nosso planeta. – Revela Beth Moon em entrevista para o site Fstoppers.

Agora as fotografias estão reunidas em um livro: Ancient Trees: Portraits in Time. Beth produziu um vídeo especial que mostra seu trabalho de impressões em platina, muito interessante de se ver (quase mágico!), e algumas fotografias que foram selecionadas para o livro.

Conheça o projeto completo de Beth Moon no site: www.bethmoon.com/TouchWood01.html

Deixe um comentário